Portal RH Velti

Artigos e Materiais Educativos para RH

Biometria é uma tecnologia de múltiplas funções. Normalmente aproveitada para identificar criminosos, seu uso também se aplica para o controle de acesso em condomínios, prédios, clubes, comércios, universidades, empreendimentos, etc. E, graças à sua formação de um vasto banco de dados, aposta-se que a biometria permitirá a realização de transações financeiras à distância, reduzindo drasticamente a incidência de roubos.

Mas enquanto esse futuro não chega, assistimos a outras revoluções. Hoje a biometria está presente em nossas vidas de forma tão natural, que podemos até não nos atentar a ela. Por exemplo, o desbloqueio de tela de smartphones por meio da leitura da impressão digital é baseado nessa tecnologia.

Igualmente, a Justiça Eleitoral vem gradativamente inserindo a biometria no processo de validação de votos a fim de evitar fraudes. Com esse método, não será possível que o mesmo indivíduo vote mais de uma vez ou tente votar em zonas eleitorais diferentes. Trata-se de um esquema bastante simples, no qual o eleitor é reconhecido por sua impressão digital. Somente após essa validação que ele é liberado para computar seu voto.

A confiança depositada na biometria está baseada na segurança que a mesma entrega. Se formos afundo no significado do termo, veremos que “bio” significa vida, e que “metria” significa estudo. Logo, falamos do estudo que visa analisar as características físicas e comportamentais das pessoas, as quais são únicas e intransferíveis. A eficiência da biometria está justamente nessa premissa de que todos somos diferentes e que somos identificados de maneira individual.

O sistema biométrico se baseia nas características únicas de certas partes do corpo humano. As de uso mais comuns são: palma da mão, digitais dos dedos, retina e íris.

Tipos de leitura biométrica:

  • Biometria por leitura das digitais: Talvez o sistema mais visto atualmente, ele consegue captar a imagem da impressão digital do dedo através de um leitor óptico. Cria-se um banco de dados com digitais previamente gravadas, gerando assim um sistema que garante segurança e baixos custos, pode ser visto em diversos estabelecimentos que contam com esse esquema para o controle de acesso.
  • Biometria por identificação da íris: Altamente seguro, porém de custo muito elevado. Por outro lado, é considerado eficaz por trabalhar com uma característica física do indivíduo que não muda com o passar do tempo e que não pode ser substituída por outra pessoa. Pode se tornar o sistema que garante a segurança de locais visados para roubos, assim como cofres de bancos e laboratórios que contêm informações de sigilo absoluto.
  • Biometria por reconhecimento da retina: De custo elevado e considerado incômodo, esse sistema requer que o indivíduo se posicione frente ao aparelho e olhe fixamente para um feixe de luz que realiza o reconhecimento da retina.
  • Biometria por reconhecimento da assinatura: Já presente na realidade da sociedade, esse sistema é largamente adotado por instituições bancárias. Seu custo médio o torna acessível para quase todos os públicos, praticamente impossibilitando que assinaturas sejam falsificadas.

Espera-se que a biometria possa ser aplicada com outros métodos em um futuro não muito distante. Especialistas já estudam a possibilidade de usar esse tipo de tecnologia para reconhecer as pessoas através de salinidade, padronização das veias e até mesmo DNA.

Como funciona o controle de acesso por biometria:

  • Independentemente do sistema adotado, ocorre a coleta de uma amostra biométrica da pessoa. Tal aquisição pode ocorrer por meio da leitura das digitais do dedo ou pela leitura da íris, conforme mencionado anteriormente.
  • É feita a extração das informações da pessoa após a coleta da amostra, cada resultado único é chamado de “template”.
  • As informações armazenadas no que chamamos de “template” são usadas para que ocorra a análise da amostra colhida no momento da extração. Caso o sistema reconheça o indivíduo, seu acesso é liberado.

Em suma, o controle de acesso por biometria se torna uma opção inteligente para quem preza pela segurança de espaços privados. Seus benefícios incluem o armazenamento dos dados cadastrais do visitante, que necessita fornecê-los apenas uma única vez. Assim guarda-se seu nome completo, seu endereço, seu número para contato e quaisquer outras informações que forem consideradas relevantes. Chega de carregar consigo cartões ou de lembrar de senhas e de cobrar taxa de quem os perdem ou de quem as esquece. É a verdadeira aposta no custo-benefício de soluções que abrangem o universo corporativo como um todo.

A biometria deve ser vista como uma aliada no sistema de controle de acesso, tornando-se o diferencial do seu local de implantação e entregando a ideia de modernidade aliada à tecnologia e segurança. E, não menos importante, deve ser encarada como uma forma de diminuir despesas e facilitar a rotina das pessoas que acessam espaços de alta circulação.

Quer conhecer melhor as nossas soluções? CLIQUE AQUI, preencha o formulário de contato e garanta já esta tecnologia para o seu negócio!

WhatsApp chat