Portal RH Velti

Artigos e Materiais Educativos para RH

O regulamento do Ministério do Trabalho exige o sistema de ponto eletrônico para empresas que tenham acima de 10 funcionários, mesmo assim ele tem sido usado por pequenos empresários. Descubra por que quem tem menos colaboradores está aderindo a essa opção.

Empresários de pequeno porte optam pelo sistema de ponto por três principais motivos:

  1. agilidade para a gestão empresarial,
  2. segurança
  3. evitar problemas futuros com as leis trabalhistas.

A questão da carga horária é um dos principais motivos de processos judiciais na Justiça do Trabalho.

De fato, a portaria 1510 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) só exige o registro eletrônico do ponto, que é realizado por meio do chamado relógio de ponto, para empresas com mais de 10 funcionários. Mas vale entender o que a portaria considera como proibição, ou seja, o que é ilegal relacionado à carga horária trabalhista, facilita compreender como a Justiça interpreta os assuntos relacionados a essa questão que, em muitos aspectos, é válida para empresas de qualquer porte.

A Portaria 1510 do MTE proíbe:

  • que os funcionários façam restrições de horário com relação à marcação do ponto;
  • que seja realizada a marcação automática do ponto, com eventual utilização de horários predefinidos ou contratuais;
  • que exista autorização prévia para a marcação de horários que superem a jornada de trabalho normal dos funcionários;
  • que o empregador altere unilateralmente os dados cadastrados pelo empregado.

Muitas questões acima sobre jornada de trabalho prevalecem para empresas que tenham apenas um funcionário, de acordo com a lei trabalhista. De modo geral, para empresas de qualquer porte, a legislação proíbe que seja excedida a carga horária; alterações de horários de entrada e saída sem aviso; acúmulo de folgas e férias e quaisquer outros benefícios garantidos ao trabalhador por lei. Com o sistema de ponto feito por um equipamento que não tem pode ser fraudado, é possível ter essa comprovação em casos de processos trabalhistas.

Em resumo, o sistema contém informações sobre a carga horária que exige o contrato, contabilizando tudo de forma precisa e ágil, dentro do rigor da lei. Assim há uma gestão melhor de controle da jornada de trabalho.

Mais tempo, menos trabalho

Agilidade e ganho de tempo da gestão é outro ponto. A partir de dois funcionários, gerir questões relacionadas a horário de chegada e saída; intervalos; horários de almoço; banco de horas, folgas, atestados médicos, justificativas e demais assuntos relacionados a controle de jornada já exige mais tempo do gestor devido a peculiaridade de cada funcionário. Além disso, os dados gerados pelo sistema de ponto permitem criar indicadores que podem mostrar o desempenho do profissional, seu perfil e sua relação quesitos como pontualidade e atividades extras.

A terceira motivação é o controle de acesso. Com o ponto, há um aumento na segurança, pois só acessa a empresa quem passou pela identificação. O colaborador também fica tranquilo por não precisar andar com seu cartão de ponto ou procurar o ponto manual para assinar – dois sistemas antigos que favorecem ao esquecimento e à fraude. Por isso, mesmo para empresas com poucos funcionários, há vantagens em investir em sistema de ponto.

Empresas como a Velti fornecem diferentes opções de aparelhos de pontos, inclusive softwares que podem ser configurados de acordo com políticas e parâmetros estabelecidos pela empresa, permitindo uma gestão mais personalizada para empresas de qualquer porte.

Detalhamos com mais precisão outros quatro benefícios do ponto biométrico para pequenas empresas:

  • Mais segurança: Ele pode ser instalado na entrada do local de trabalho e serve como identificação, ou seja, só tem acesso a parte interna quem tiver a digital reconhecida. Isso garante mais segurança a informações e áreas restritas do seu negócio. Além disso, evita que funcionários levem terceiros sem permissão antecipada;
  • Baixa chance de fraude: A chance de alguém burlar a política de carga horária e folgas é de quase 0%. O sistema de ponto usa tecnologia para fazer toda a gestão de horários automática e com precisão. Isso também retira a sobrecarga de gestores e o estresse interpessoal que pode ocorrer com problemas de atrasos, por exemplo;
  • Dados detalhados: É possível gerenciar todos os dados de cada um dos funcionários como jornadas, justificativas, escalas, atrasos, afastamentos, férias, licenças, entre outros. Esses dados podem gerar relatórios com informações e estatísticas que podem servir para futuras decisões. Esse detalhamento também resguarda a empresa em casos de processos trabalhistas;
  • Fácil de instalar e usar: Os sistemas da Velti são de instalação prática e fácil para o gestor utilizar, acessar e pesquisar. Também tem a flexibilidade de fazer os ajustes em caso de necessidade de justificativa de atrasos, mudanças de folgas, e etc.

Além disso, quem opta pelos serviços da Velti ainda encontra pacotes por quantidade de funcionários e uma plataforma 100% online, que pode ser acessada via internet por qualquer lugar. Conheça mais nossos serviços e solicite um orçamento.

WhatsApp chat